Translate

quinta-feira, dezembro 01, 2016

Por que temos arrepios e calafrios quando estamos com medo?



Nós arrepiamos quando estamos com medo pela mesma razão que os gatos se arrepiam quando se sentem ameaçados. “O princípio geral é, se você está para ser atacado, tente parecer maior”, disse David Huron, um musicolólogo da Ohio State University. As pessoas não têm tantos pêlos como os gatos, mas os arrepios são resquícios de quando éramos peludos.

Os arrepios começaram como uma resposta ao frio. Quando o cabelo fica em pé, cria uma camada isolante ao redor do corpo. Mas há alguns milhões de anos, nossos antepassados se assustaram com um suposto predador e os cabelos arrepiados se tornaram um útil mecanismo de defesa. A herança dessa resposta fisiológica explica porque o medo está relacionado com o frio.

Calafrios também surgem quando sentimos qualquer tipo de surpresa ou emoção intensa, mesmo em uma música. Uma mudança de volume ou o momento em que o cantor começa a cantar. As pessoas costumam ter calafrios nas passagens em que o tom é “triste”, disse Jaak Panksepp, neurocientista da Washington State University.



É possível ter arrepios, várias vezes, ouvindo uma mesma canção. “O cérebro pode tolerar milhares de falsos alarmes para nos proteger de uma ocasião em que o alarme seja real”, explica Huron.

É por isso que quando sabemos que estamos seguros – como em um filme de terror, por exemplo – esses falsos alarmes podem ser prazerosos.

“Uma parte do cérebro está dizendo – “Oh meu Deus, eu vou morrer”. Mas a parte consciente diz que está tudo bem. Então, a pessoa se sente bem com os arrepios”, afirma Huron.

fonte: http://socuriosidades.blogspot.com.br/2011/11/por-que-temos-arrepios-e-calafrios.html

sexta-feira, novembro 18, 2016

domingo, novembro 13, 2016

Cachorros (verdades e mentiras)




O mundo animal é muito interessante para nossos olhos. E dentro desse contexto, existem diversas verdades, mentiras e meias verdades sobre os cães. A população humana transmite informações de geração em geração, porém, algumas são totalmente equivocadas.
Nós analisamos o comportamento canino desde os primórdios, quando o primeiro cachorro foi domesticado pelos seres humanos, e isso já faz mais de cem mil anos. Não é de se estranhar que existem muitas mentiras espalhadas por ai. Porém, se você quer desmistificar alguns desses dizeres, leia o artigo por inteiro.


Cães são predadores de gatos?





Não, não e não! Os cães não são predadores dos gatos, essa é a maior mentira que o ser humano inventou sobre os cachorros. Na verdade, se você colocar um gato no ambiente de um cão, ele vai se sentir ameaçado pelo felino, por isso, ele pode estranhar o seu novo pet.
Para evitar esse tipo de estranhamento, basta você introduzir esse novo animal de estimação aos poucos, sem forçar nada para seu antigo amigo. Você não deve deixar de praticar exercícios com seu cão, e também deve tratar seu antigo amigo da forma que sempre tratou, sem broncas, para que ele não sinta ciúmes.



Cães sabem quando os donos estão tristes? 

Sim, os cachorros são doutores em detectar a tristeza de seus donos. Eles percebem quando nós estamos diferentes e costumam nos apoiar em situações difíceis. É comum o cão mudar até a feição quando você estiver cabisbaixo. Os cães são nossos melhores amigos, por isso, trate-os como tal.



Cães se isolam quando vão morrer?





Sim, seu amigo sente quando está debilitado e é hora de descansar. Esse senso instintivo acontece porque seu cachorro não quer incomodar você, que foi o seu grande companheiro. Por isso, ele se isola e em alguns casos, chegam a fugir de casa.
Para evitar que a hora do seu cachorro chegue logo, você deve fornecer muito amor, carinho e uma dieta equilibrada para cães, para que seu amigo fique ao seu lado o máximo de tempo possível.
A Ração Naturalis contém uma linha completa de rações naturais para cães que ajuda a suprir todas as necessidades do seu amiguinho, além de ajudá-lo a ter uma vida ainda mais saudável!


Eu tinha uma cachorrinha que fez isso, se isolou até fugiu de casa para não morrer perto da gente
Saudades da minha "pretinha"..

fonte: http://www.naturalistotalalimentos.com.br/

sábado, novembro 12, 2016

Por que as aves não colidem no ar?



As aves são um grupo de vertebrados endotérmicos que são caracterizados por possuírem um corpo coberto com penas e asas nos membros dianteiros. As asas permitem que alguns pássaros voem, enquanto outros precisem caminhar ou saltar para se mover.



No caso dos pássaros que voam, este é o seu principal método para se movimentar, alimentar, fugir de predadores, crescer e se reproduzir. As aves obtém a força para voar por ação de um fluxo de ar que passa através de suas asas, que atua como uma superfície de sustentação. Isso faz com que a força seja maior na região abaixo da asa e menor na região acima da asa.



Os aviões são construídos com base nesse princípio, porque o homem, como de costume, imita a natureza em suas construções. Agora os cientistas estão questionando mais detalhadamente como são de voo desses pássaros.

Um grupo de cientistas se questionou sobre o que acontece quando dois pássaros se colidem.

Esse questionamento é importante porque ele poderia ser a solução para evitar colisões entre aviões no céu no futuro (não muito distante), aonde o céu estará congestionado por drones e aviões. Assim, eles concluíram que as aves são regidas por regras de voo básicas para manterem e dominar o voo com perfeição. O Professor Mandyam Srinivasan, da Universidade de Queensland e autor da pesquisa, explica que as aves provavelmente tiveram uma pressão evolucionária forte para estabelecer essas regras e estratégias básicas para minimizar a colisão durante o voo.



Para responder a esta pergunta, a equipe conduziu uma situação de modelagem com dois periquitos sendo lançados em extremidades opostas de um túnel, e a situação foi filmada com uma câmera de alta velocidade. Depois de 100 voos com 10 diferentes tipos de aves, não havia uma única colisão. Isto demonstrou para os cientistas que não é por acaso que as aves não tenham colisões durante o voo.Com este modelo, os cientistas observaram que os pássaros não voam na mesma altitude e sempre viram para direita quando eles estão prestes a colidir. No que se refere a diferentes altitudes, não foi possível determinar um padrão entre essa altura nem se difere de uma ave para outra.




Este estudo forneceu informações importantes sobre como fazer um voo sem risco de colisões. É muito provável que, no futuro, estas regras básicas de voo sejam estudadas em maior profundidade e incorporadas a construções de novas aeronaves e drones.


fonte: http://minilua.org/a-ciencia-responde-por-que-as-aves-nao-colidem-no-ar/

quinta-feira, novembro 10, 2016

14 Tipos de Nariz para entender sua Personalidade


Segundo uma pesquisa do Jornal de cirurgia Cranio Facial dos Estados Unidos, amando ou odiando seu nariz, temos que aceitá-lo como é, pois independente de mudar o “modelito”, o que muitas vezes transformam completamente nossa figura, nossa personalidade é classificada conforme o tipo dele.
…pois é, eu também achei maluco…

Sobre o Nariz

Além disso, nosso nariz é muito útil, como todos sabemos, por ser necessário para:
  • respiração,
  • detecta mais de 10.000 aromas diferentes,
  • determinar o sentido do paladar,
  • previne infecções,
  • afeta a ressonância da voz,
E ainda tem o espirro, que é uma forma do organismo expelir excesso de dióxido de carbono, na forma de partículas líquidas, até 40.000 gotículas são jogadas no ambiente ao seu redor, com uma velocidade de pelo menos 160 Km/h.

O Formato do Nariz


O que determina a forma e o tipo de nariz são as posições dos ossos nasais, cartilagens laterais inferiores e superiores. A combinação ou diferenças nestas área, pode determinar a aparência original do nariz, dependendo a etnia. Existem vários tipos e formatos de nariz. A pesquisa identificou 14 formatos de nariz, enquanto o professor PhD de química Abraham Tamir, identificou 1.793, que caíram na classificação dos típicos básicos. Vamos a eles

Nariz Grande


Esse tipo de nariz tem ponta longa e narinas maiores. São pessoas que gostam do poder, liderança, é egocêntrico, gosta de ser independente e não tem interesse nenhum em pequenas tarefas. Aliás, odeiam receber ordens e seu desejo é ser seu próprio patrão.

Nariz Pequeno


Menores no comprimento e largura. Se dão bem em atividades em grupo, por ser criativo e espontâneo. Às vezes podem se mostrar explosivos, por impaciência e frustrações. São pessoas que gostam de ajudar os outros e tornam qualquer tarefa em diversão. Não se importam com o trabalho repetitivo e sistemático, pois amam o que fazem.

Nariz Longo


Pessoas de nariz longo geralmente estão no controle do dinheiro, é ambicioso, tem bom faro para negócios, senso comum, grandes instintos e quem está sob sua liderança respondem favoravelmente. Seus problemas são gerados pela sua grande força. Ressente-se por não reconhecerem seus esforços. O trabalho é mais importante que a família.

Nariz Curto


São pessoas leais e sem ambição. Resistem a condições competitivas e quase sempre se sentem oprimidos e desconfiados pelo de maior ego. É idealista, muito gentil, e bastante sensível. Sua sensibilidade emocional é como de uma criança, que gosta de carinho. Tem dificuldade de se conhecer por estar sempre na defensiva. Não gosta de nada que seja diferente e se fecha em si mesmo, quando se apresenta uma dificuldade e que às vezes é problema de sua própria cabeça.

Nariz Reto

 

Esse nariz não tem nenhuma curvatura ou depressão no centro, e com a ponta afinada é conhecido como nariz grego, com narinas estreitas e são considerados atraentes. Pessoas com esse tipo de nariz são geralmente inteligentes, úteis à natureza, tem disciplina metódica e está relacionado com o sucesso na vida. Na mulher este tipo de nariz diz ser inteligente, espirituosa e perseverante. Evite, ao se comunicar com essas pessoas falar o que não for claro e lógico, nem faça apelos emocionais.

Nariz Curvo para Cima

 

Turned-up Nose
É um nariz longo e tem a ponta levemente curvada para cima. São pessoas otimistas, gentis e de personalidade. Costumam serem amorosas, carinhosas e dão apoio aos amigos e familiares. São entusiasmadas por coisas novas ou experiências. Gostam de aventuras sexuais, mas podem levar muito bem um casamento. Essas pessoas, por serem sentimentais e afetuosas, querem ser apreciadas e cuidadas da mesma forma.

Nariz Adunco

 

Hooked-Nose
Esse nariz é grande com a ponta apontando para a boca, parece um bico de falcão. Um pouco mais exagerado, o indivíduo com esse tipo de nariz é bem parecido com o de nariz grande. Eles não procuram aprovação, são até rebeldes, mas é preciso respeitar e fazer com que ele se sinta importante, para se dar bem com ele. Só se sentem felizes quando seguem seus objetivos e seu próprio caminho, porque não são influenciados pelas massas.

Nariz Romano

 


Se destaca por ter uma curva na parte de cima do nariz. São pessoas teimosas, ambiciosas, às vezes grandes líderes, não fazem nada por impulso, têm personalidade forte e são bons para influenciar outras pessoas, mas não tomam decisões. Facilmente mobilizam pessoas, organizam coisas e não são nada agressivos.

Nariz Ondulado

 

Wavy-Nose
Esse tipo de nariz tem como característica uma saliência na ponta, causada talvez por genética, deformidades ou lesões. Quando se trata de sua personalidade, são pessoas de vida amorosa divertida.

Nariz Arrebitado

 

ARREBITADO
Esse nariz é geralmente menor em tamanho e são direcionados para cima. Sua ponta não é lisa e nem redonda, como são virados para cima dão a impressão de ser esnobe. Pessoas com esse tipo de nariz são perspicazes, reagem rapidamente, o que os leva à agressão. Se olhar pela lateral e o nariz for côncavo coma ponta redonda, essa pessoa tem a tendência a ajudar os outros como fazer parte de um grupo de caridade. O que leva seus amigos a se aproveitarem dele. Prefere o sexo romântico em posições tradicionais a tentar experiências eróticas.

Nariz Pontudo

 

Pointed Nose
Se você tem esse tipo de nariz, será um bom repórter investigativo pela sua curiosidade natural. Será uma pessoa popular no trabalho e na vida social, porque, com certeza, deve saber histórias de tudo e de todos. Pessoas com nariz pontudo são curiosas e fascinadas por coisas novas. Pode parecer que tem uma natureza menos confiável que outras pessoas.

Nariz Arredondado

 


Essa pessoa de nariz redondo, quer saber tudo que se passa e vai tentar obter de você essas informações. Se quiser se dar bem com ele, não lhe esconda nada. São pessoas que não são gananciosas, mas gostam das coisas de qualidade.

Nariz Achatado e Largo

 

18b12381eb2e3ecbbc3e1e22
Este tipo de forma do nariz é comumente encontrada nos afro-americanos e asiáticos. O tipo de nariz tem narinas largas, são curtos, com a ponta arredondada. São pessoas muito úteis, com o temperamento um pouco quente, precisa ter cuidado ao lidar com eles.

Nariz Núbio

 


Este tipo de forma do nariz é muitas vezes longo, com uma base ampla. É o tipo de nariz que Barrack Obama tem. Pessoas com esse nariz estão sempre em busca de novos caminhos para as questões de abordagem, são muito curiosos, de mente aberta, muito carismáticos, sempre atraindo as pessoas por conta de sua personalidade. Eles são muito expressivos emocionalmente e, por vezes, as emoções podem ser exageradas. Estão sempre pensando em novas maneiras de abordar os problemas, são instigadores da mudança. (Yes, we can!)

Imagens:
learnfacereading.blogspot.com
 
Fonte:
i-facts.info

learnfacereading.blogspot.com
 
 

Imagem do dia


Agora o bicho vai pegar kkkkk!!!!


fonte: https://www.facebook.com/ChapolinSincero/?hc_ref=PAGES_TIMELINE&fref=nf

As dez técnicas mais usadas pela grande mídia para manipular a realidade



Realidade mitificada: Conheça (e faça bom uso) as dez técnicas mais usadas pelos grandes meios de comunicação para manipular a sociedade
manipulação mídia noam chomsky

Os que não são idiótes (no sentido grego: os que se voltam para a vida privada menosprezando completamente a vida pública) jamais podem ignorar como a grande mídia mistifica a realidade e manipula a opinião pública.

Todos os grandes meios de comunicação têm, naturalmente, suas preferências – partidárias, eleitorais, ideológicas e, sobretudo, pecuniárias. Já sabemos que nas democracias venais contemporâneas o dinheiro deslavadamente gera poder e que o poder desavergonhadamente gera dinheiro. A mídia, na medida em que filtra e manipula conteúdos, apresenta-se como uma das pontes privilegiadas de ligação dessa política institucionalmente argentária.


O linguista e sociólogo Noam Chomsky, professor emérito do Massachusetts Institute of Technology (em Boston) e tido pelo New York Times como “o maior intelectual vivo”, catalogou as dez técnicas de mistificação e manipulação promovidas pela grande mídia [1]. Trata-se de um decálogo extremamente útil, especialmente para aqueles que bravamente desafiam a inexpugnável ignorância diária. Vejamos:

1. A estratégia da distração. É fundamental, para o grande lobby dos poderes, manter a atenção do público concentrada em temas de pouca relevância (programas banais de TV, por exemplo), fazendo com que o cidadão comum se interesse apenas por fatos insignificantes. A exagerada concentração em fatos da crônica policial, dramatizada e manipulada, faz parte desse jogo.

2. Princípio do “problema-solução do problema”. A partir de dados incompletos, incorretos ou manipulados, inventa-se um grande problema para causar certa reação no público, com o propósito de que seja este o mandante – ou solicitante – das medidas que se quer adotar (é preciso dar voz ao povo). Um exemplo: deixa-se a população totalmente ansiosa com a notícia da existência de uma epidemia mortal (febre aviária, por exemplo), criando um injustificado alarmismo com o objetivo de vender remédios que de outra forma seriam inutilizados.
 3. A estratégia da gradualidade. Para fazer o povo aceitar uma medida inaceitável, basta aplicá-la e noticiá-la gradualmente, a conta-gotas, por anos – ou meses, ou dias – seguidos. É dessa maneira que se introduzem novas e duras condições socioeconômicas, em prejuízo da população. Tudo é feito e contado gradualmente, porque muitas mudanças juntas podem provocar uma revolução.

4. A estratégia do diferimento (adiamento). Um outro modo de fazer aceitar uma decisão impopular consiste em apresentá-la como “dolorosa e necessária”, alcançando-se momentaneamente sua aceitação, para uma aplicação futura (“piano piano si va lontano”, o equivale mais ou menos ao nosso “devagar se vai ao longe”).




5. Comunicar-se com o público como se falasse a uma criança. Quanto mais se pretende enganar o público, mais se tende a usar um tom infantil. Diversos programas ou conteúdos possuem essa conotação infantilizada. Por quê? Se nos comunicarmos com as pessoas como se elas tivessem 11 anos de idade, elas tendem a responder provavelmente sem nenhum senso crítico, como se tivessem mesmo 11 anos de idade (as crianças não conseguem fazer juízos abstratos).

6. Explorar a emotividade muito mais que estimular a reflexão. A emoção, com efeito, coloca de escanteio a parte racional do indivíduo, tornando-o facilmente influenciável, sugestionável. Essa é a grande técnica empregada pelo populismo demagogo punitivo.

7. Manter o público na ignorância e na mediocridade. Poucos conhecem, ainda que superficialmente, os resultados já validados das ciências (criminais, médicas, tecnológicas etc.). A manipulação fica facilitada quando o povo é mantido na ignorância; isso significa dizer não à escola de qualidade para todos.

8. Impor modelos de comportamento. Controlar indivíduos enquadrados e medíocres é muito mais fácil que gerir indivíduos pensantes. Os modelos impostos pela publicidade são funcionais para esse projeto.

9. A autoculpabilização. Todo discurso (midiática e religiosamente) é feito para fazer o indivíduo acreditar que ele mesmo é a única causa do seu próprio insucesso e da própria desgraça. Que o problema é individual e não tem nada a ver com o social. Dessa forma, ao contrário de se suscitar uma rebelião contra o sistema socioeconômico que marginaliza a maioria, o indivíduo se subestima, se desvaloriza, se torna depressivo e até se autoflagela (assim é a vida no “vale das lágrimas”). A culpa pelo desemprego, pelo não encontro de novo emprego, pelo baixo salário (neoescravizador), pelas condições deploráveis de trabalho, pelo insucesso escolar, pela precarização das relações trabalhistas, pela diminuição do salário-desemprego, pela redução das aposentadorias, pela mediocridade cultural, pela ausência de competitividade no mercado etc. é dele, exclusivamente dele, não do sistema.

10. Os meios de comunicação sabem mais de você que você mesmo. Eles conhecem nossas preferências, fazem sondagens e pesquisas, diagramam nossas inclinações políticas e ideológicas e, mais que isso, sabem como ninguém explorar nossas emoções (sobretudo as mais primitivas). Não se estimula quase nunca a reflexão. O sistema manipula e exerce um grande poder sobre o público, muito maior que aquele que o cidadão exerce sobre ele mesmo.

Faça bom uso deste decálogo.

[1] CHOMSKY, Noam. “Ecco 10 modi per capire tutte le bugie che ci raccontano”, emLatinoamerica e tutti i sud del mondo, números 128/130. Roma: GME Produzioni, 2014/2015, páginas 146-147.

Luiz Flávio Gomes, Congresso em Foco


Redação Pragmatismo
Redação Pragmatismo
Editor(a)
Mídia desonesta


http://www.pragmatismopolitico.com.br/2015/07/as-dez-tecnicas-mais-usadas-pela-grande-midia-para-manipular-a-realidade.html

terça-feira, novembro 08, 2016

Como não responder uma prova.



Alguns exemplos de como você não deve responder suas provas
na escola faculdade ou exame de fezes.







Segundo Karl Marx, como seria o caminho rumo à Grande

Revolução do Proletariado?

R: Seria feito por vias aquáticas, porque só barco bóia.

Não da pra andar de karl no marx



























UPDATE:

Como você verifica se os mutantes identificados pelo fenótipo em sua
tela tiveram uma verdadeira perda de função mandibular-D mutações?
R: Use o radioativo doze!
Tartarugas mutantes ninjas adolescentes

Eu gostaria de poder (??) suas respostas para o (??)! Eu adoraria isso!

























Os fungos são bastante úteis, mas também são muitas vezes nocivos aos

interesses humanos. Cite e justifique dois aspectos positivos sobre a

importância dos fungos:




Os fungos realmente são bastante nocivos aos interesses humanos. Fungando,

uma pessoa pode estar inalando milhões e milhões de vírus e bactérias do

ambiente que se respira. Mas há também a utilidade. Uma boa fungada

pode efetivamente retirar aquele catarro preso na garganta, sendo que quanto

maior o som emitido pela fungada maior é a sua eficiência e precisão na

retirada daquela substância indesejada. Há quem diga que fungar é porcaria,

mas pesquisas científicas revelam que, além de serem métodos eficientes,

as fungadas fazem parte do dia-a-dia das pessoas em todo o mundo.

É como diz a famosa frase: Aquele que nunca deu uma fungada que atire a primeira pedra.














Fonte: http://www.alvoradaeletronica.com.br/2011/04/como-nao-responder-uma-prova.html